O Melhor Videoclipe de 2013 (Até Agora!)

melhores clipes

Como já virou tradição por aqui, o primeiro semestre acabou e lançamos a pergunta: Qual foi o melhor videoclipe dos primeiros meses do ano? Para facilitar a vida dos leitores, reunimos aqueles que tiveram notas mais altas em nossas resenhas, 23 ao todo, em uma super coletânea que permitia a votação daquele que “entra pra história” como o grande marco videoclíptico da primeira metade de 2013.

Pois bem, vocês votaram e chegou nossa vez de revelar quais são Os Melhores Videoclpes de 2013 (Até Agora!) de acordo com os leitores (dica: clicar no título do clipe te leva para sua respectiva resenha).

##5 – David Bowie – The Stars Are Out Tonight

O camaleônico honrou seu legado com ajuda da atriz Tilda Swinton e da diretora Floria Sigismondi, um dos nomes mais frequentes no mundo dos clipes hoje. Com bom humor e um senso crítico apurado, a produção conquistou seu espaço como as mais lembradas de 2013.

##4 – Biting Elbows – Bad Motherfucker

De tão incrível, este clipe da banda russa (dirigido pelo próprio vocalista) viralizou por toda a Web e conquistou destaque em desde sites de humor até nos blogs de produção de vídeo. Se você passou a infância, a adolescência ou parte delas jogando videogame, vai curtir o vídeo ainda mais.

##3 – Of Monsters and Men – King and Lionheart

Dona de poderosas e animadas baladas folk, a banda islandesa veio ao Brasil no primeiro semestre e trouxe na bagagem este videoclipe grandioso e mitológico em uma história sobre amizade que segue a mesma emoção da música. Com tantos atributos assim, não é de se estranhar que os leitores tenham escolhido este como um dos vídeos mais marcantes do início do ano.

##2- Tereza – Sandau

Em janeiro, quando foi lançado, Sandau arrancou comentários do tipo “o melhor clipe do ano já foi lançado”. Isso aconteceu em parte porque todo mundo estava na empolgação das listas de “melhores de 2012” que não paravam de surgir, mas também porque não tem como não se divertir com o quinteto inserido nas cenas do Google Street View. Serviu para levar o som da Tereza pra mais gente e conquistou o mais que honroso segundo lugar em nossa votação.

##1 – Yeah Yeah Yeahs – Sacrilege

Não importava como ficaria o videoclipe, a primeira música lançada de Mosquito já ganharia a atenção de todo mundo por onde passasse. Mas Karen O. e seus meninos capricharam e chamaram o coletivo francês Megaforce para comandar uma produção que não tem como não impressionar. Narrada de trás para frente, a história é carregada de violência e drama, duas coisas que ficam bem com o som mais pop da Yeah Yeah Yeahs, com a ajuda de bons atores. O resultado não poderia ser outro e Sacrilege foi, desde o primeiro dia de votação, o mais lembrado por nossos leitores como “o melhor videoclipe de 2013 (até agora!)”.

##Bônus

– Quatro clipes empataram no sexto lugar: Crisântemo de Emicida, a viagem visual da Graveola e o Lixo Polifônico em Babulina’s Trip, Adam Levine e a tinta de Love Somebody de sua Maroon 5 e a excelente Tame Impala com sua fantasia juvenil de Mind Mischief.

– Justin Timberlake teve seu Suit & Tie escolhido como o melhor do ano pelo MVPA. No Música Pavê, teve apenas 2% dos votos.

– Losers gonna lose: Quatro videoclipes não tiveram nem um votozinho sequer – mas não vamos dizer quais, pra não queimar o filme de ninguém. De qualquer forma, se somarmos os votos que os dez últimos lugares tiveram, ainda não chegam ao que Of Monsters and Men teve para levar o bronze.

– Este foi o terceiro ano em que selecionamos os melhores do primeiro semestre. Em 2011, o vencedor foi Simple Math, da Manchester Orchestra, e Nescafé, da Apanhador Só, levou o título em 2012.

Veja quais outros concorreram ao título de Melhor Videoclipe de 2013 (Até Agora!)

Shuffle

Justin Timberlake - Tunnel Vision
Vídeo lembra a sensação de ouvir o álbum "The 20/20 Experience" (do qual a música foi tirada). É bom, mas parece repetitivo e nada justifica uma duração tão longa
Cinco Surpresas do Música Pavê em Cinco Anos
Nas comemorações de aniversário do site, um breve resumo de sua história desde 11 de novembro de 2010 revela detalhes do site que muitos de seus leitores provavelmente ainda não sabem
Silva + Marisa Monte - Noturna (Nada de Novo na Noite)
Parceria entre os dois músicos ganhou produção que retrata ambos no estúdio e revela um pouco dos timbres que ouvimos na faixa, presente no disco "Silva Canta Marisa"

Curtiu? Comente!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Sobre o site

Feito para quem não se contenta apenas em ouvir a música, mas quer também vê-la, aqui você vai encontrar análises sem preconceitos e com olhar crítico sobre o relacionamento das artes visuais com o mercado fonográfico. Aprenda, informe-se e, principalmente, divirta-se – é pra isso que o Música Pavê existe.

Contato

fale@musicapave.com