Conheça: Mantre

A psicodelia anda a passos largos novamente, e testemunhamos nos últimos tempos uma nova classe do tal gênero em terras brasileiras. Agora, mais uma banda começa a ganhar espaço no estilo.

O rompimento com a realidade se faz mais presente no visual e nas artes que Mantre apresenta. Seu som mesmo é mais orgânico e centrado, o que é evidenciado na sonoridade radiofônica e facilmente comercializada do grupo, bem como em seus riffs marcantes, que lembram um rock bem talentoso – vale ressaltar também que se deve ao fato de uma voz potente, como pede o estilo, do vocalista e baixista Diego Trindade. Podemos notar também logo de cara uma certa influência de bandas com as quais já dividiu os palcos, como Scalene e Versalle.

Além do vocalista já citado, a banda conta com os excelentes músicos Nonato Matos na bateria e Lucas Black na guitarra, que vão construindo toda uma aura independente na melodia, estando os instrumentos com vidas paralelos para chegar ao bom resultado. Seu primeiro álbum foi lançado em 2015 e seu nome condiz bem com seu conteúdo: Introspecto. Enquanto uma nova fase da banda não chega, temos o recente clipe gravado entre Sergipe e Buenos Aires que nos mostra cenas de autoflagelo mental, Sem Razão.

Shuffle

Curtiu? Comente!

Comments are closed.

Sobre o site

Feito para quem não se contenta apenas em ouvir a música, mas quer também vê-la, aqui você vai encontrar análises sem preconceitos e com olhar crítico sobre o relacionamento das artes visuais com o mercado fonográfico. Aprenda, informe-se e, principalmente, divirta-se – é pra isso que o Música Pavê existe.

Contato

fale@musicapave.com