Cinco Melhores Vídeos “Ao Vivo” de 2017

Quando o Música Pavê percebeu que uma parte considerável da produção de vídeos musicais hoje se concentrava em gravar no formato “ao vivo” para a Web (diferente dos shows gravados antes e utilizados como videoclipes), foi criada uma seção no site só para esses lançamentos.

E percebendo que alguns dos vídeos que mais curtimos em 2017 foram justamente os feitos ali, com som direto e os artistas interpretando suas canções, vimos que chegou a hora de, pela primeira vez, publicarmos uma pequena lista com os melhores vídeos “Ao Vivo” que passaram pelo MP no ano.

Das dezenas de produções, eis que selecionamos estas cinco, pela originalidade e identidade do vídeos, pela qualidade técnica e por terem nos deixado muito, mas muito satisfeitos com a experiência de vê-los repetidamente.

One to One (La Blogothèque): Bon Iver

Foi o primeiro episódio de uma pequena série que “sequestrava” pessoas durante um festival para levá-las vendadas a uma sala onde recebiam, de surpresa, uma apresentação para lá de intimista. Gerou aquelas conversas “qual seria a sua reação se fosse você ali?”, revelou um lado de canção que 8 circle não parece ter na versão do disco e, principalmente, tirou nosso fôlego com tamanha beleza.

Momo pela câmera de Marcelo Camelo

Dirigido pelo próprio Momo e gravado por Marcelo Camelo, a parceria trabalha perfeitamente uma versão ao vivo da faixa Nanã, feito no estúdio em Lisboa onde Voá foi produzido. A sensação que fica é deliciosa, entre sorrisos e olhares que dão o tom de “entre amigos”, sem contar a beleza que essa música carrega na voz de Momo. A forma intimista dada pelos closes certos no músico também é personificada pela jam feita pelos músicos. Um excelente “ao vivo”.

O Terno desplugado na rua em Portugal

Em um dos mais belos “ao vivo” publicados neste ano, são inúmeros os motivos pelos quais esta versão da banda para a música Volta figura nesta lista. A câmera acompanha o vocalista Tim Bernardes desde o início, quando ele está em frente a uma parede de azulejos, depois subindo a ladeira de uma rua de Lisboa, registrando a simplicidade do cenário com crianças brincando pela rua, pessoas passando, uma leve tossida e latidos de cachorros. Tudo isso serve para embelezar essa versão desplugada da faixa, que, por si só, com seus versos e melodia, já é uma das coisas mais lindas que a banda já fez.

Vevo: Lorde reimagina seus músicas de Melodrama

Há um grande refinamento na gravação que a cantora fez em parceria com a plataforma de vídeos, e cada uma das cinco músicas registradas merece ser vista e revista. Como se não bastasse toda a qualidade do que foi feito em estúdio, uma introdução gravada ao ar livre com Lorde e alguns backing vocals cantando Hard Feelings/Loveless eleva o tom de originalidade de toda a série, e você logo saca que não vai querer perder nenhum dos vídeos.

Tiny Desk Concerts: Chance the Rapper

Campeã em aparecer no Ao Vivo do MP, a série Tiny Desk Concerts (da rádio norte-americana NPR) é indiscutivelmente uma das melhores da categoria, tendo nos apresentado nomes em começo de carreira, como Adele e Alt-J, entre inúmeros artistas ao longo de todos esses anos. Exatamente por isso, e pela forma como cada artista leva sua obra para essa sala, é que não poderia faltar pelo menos um de seus lançaentos aqui na lista. Se tratando de Chance The Rapper, ele nos entregou duas faixas com versões bem doces aos nosso ouvidos. A segunda é um cover de Stevie Wonder, tocada logo após o artista recitar um poema que tinha acabado de escrever, tornando a apresentação única.

Curta mais de: Bon Iver | Momo | O Terno | Lorde | Chance the Rapper

Shuffle

Cover: Alien Ant Farm canta Michael Jackson
Um dos clássicos mais icônicos do Rei do Pop ganha versão pesadinha e divertida
Cinco Shows Incríveis de 2012
Por melhor que seja ouvir música nos fones de ouvido, nada se compara à experiência coletiva de vê-la sendo feita na hora. Confira as performances que mais marcaram o ano
Entrevista: Mahmundi + Emerson Leal
Atração da terceira noite do Festival BRio, a cantora carioca e o músico baiano conversaram ao Música Pavê sobre a produção brasileira hoje e suas principais tendências

Curtiu? Comente!

Comments are closed.

Sobre o site

Feito para quem não se contenta apenas em ouvir a música, mas quer também vê-la, aqui você vai encontrar análises sem preconceitos e com olhar crítico sobre o relacionamento das artes visuais com o mercado fonográfico. Aprenda, informe-se e, principalmente, divirta-se – é pra isso que o Música Pavê existe.

Contato

fale@musicapave.com