“Sintoma”: Castello Branco estreia show em SP

Um grande clima de celebração foi promovido por Castello Branco na noite do feriado de 2 de novembro em São Paulo, quando estreou o show do disco Sintoma na Casa Natura Musical para um público ávido pela experiência de união que a música do artista parece promover.

Como em praticamente tudo o que Castello apresenta, parecia haver poesia, simbolismo e significado em cada uma das escolhas. Seja pela escolha de começar o show pela pela última música do disco (Assuma) e terminá-lo com uma faixa que foi a primeira que muitos ouviram dele (Necessidade), ou por alguns arranjos escolhidos para o formato ao vivo (Cara a Cara, por exemplo, apareceu só com violão e flauta), havia um senso de que cada pequena escolha tinha sido feita para promover um envolvimento poético com todos ali.

As participações de Phill Veras e Alice Caymmi, também significativas, ficaram um pouco confusas, como se os dois, ainda que visivelmente felizes pelo convite, não soubessem direito seus papéis ali. Mesmo assim, KDQ, com Veras, e As Minhas Mães, com Alice, serão lembrados como os pólos entre a maior festa e a maior introspecção da noite, respectivamente.

Sem poupar tempo, a festividade de lançamento do álbum gerou sorrisos múltiplos e mútuos entre o palco e a plateia a cada canção, assim como todos levaram para casa uma grande lembrança carinhosa da noite – pelos versos, pela beleza e pela união. Os próximos shows têm tudo para serem melhores ainda.

Curta mais de Castello Branco no Música Pavê

Shuffle

Ventre em Três Momentos
Depois de uma semana em contato com a banda carioca em sua passagem por São Paulo, o que fica é a ansiedade para que seu trabalho de estreia seja lançado o quanto antes
Cobertura: MECA Festival SP
Edição paulistana do festival gaúcho trouxe Citizens!, AlunaGeorge e La Roux em uma locação bem aproveitada - um hangar no Campo de Marte - para evento memorável
Fresno e Scalene - Encontro de Gerações
Noite em São Paulo provou que ambas as bandas, mesmo som sonoridades diferentes, trabalham com o mesmo resultado: uma cena fortalecida que mantém o rock brasileiro vivo

Curtiu? Comente!

Comments are closed.

Sobre o site

Feito para quem não se contenta apenas em ouvir a música, mas quer também vê-la, aqui você vai encontrar análises sem preconceitos e com olhar crítico sobre o relacionamento das artes visuais com o mercado fonográfico. Aprenda, informe-se e, principalmente, divirta-se – é pra isso que o Música Pavê existe.

Contato

fale@musicapave.com