Natura Musical e suas novidades para 2014

fernanda takai

O Natural Musical completou oito anos de atuação, com mais de 200 projetos patrocinados, por volta de 924 shows realizados, 77 CDs, 17 DVDs, 16 livros e quatro filmes. Grandes nomes da música brasileira, como Ney Matogrosso, Arnaldo Antunes e Marisa Monte, já tiveram trabalhos financiados, assim como talentos novos que estão surgindo pelo Brasil.

Ontem, o Música Pavê teve a oportunidade de participar da coletiva feita especialmente para anunciar os nomes que serão patrocinados no ano que vem. Neste ano, as inscrições bateram o recorde! Foram mais de 3.4000 inscritos no edital nacional e editais regionais em Minas Gerais, Paraíba e Pará. Estes projetos são então analisados com um critério especifico: potencial de visibilidade e de mobilização de público, democratização do acesso, relevância cultural, visibilidade, custo benefício etc. De toda essa galera que procurou apoio do Natura Musical, apenas 23 candidatos foram escolhidos. São seis projetos de artistas já consagrados na música brasileira, onze talentos novos e seis projetos de formação e legado. Fernanda Paiva, gerente de apoios e patrocínios da Natura, contou na coletiva os artistas selecionados.

No edital nacional, foram escolhidos sete projetos: o livro Lira Paulistana, gravação do CD Passado de Glória (“Homenagem do Monarco com a Velha Guarda da Portela para celebrar 80 anos desse que é um ícone da música brasileira”), apoio à banda paulista 5 a Seco (“Formado por um coletivo de jovens que vem fazendo sua carreira e já tem uma repercussão bem forte com o público e a critica. E vem fazer um novo trabalho e uma nova turnê apoiado pelo Natura Musical”), Zé Manoel, Karla da Silva (“Um talento natural que a gente reconheceu”), Elba Ramalho (“A gente acredita que este é um projeto que vem celebrar estes 35 anos de uma das maiores vozes da música brasileira”) e Nação Zumbi (“A gente fica muito feliz de participar da gravação de um novo álbum de inéditas depois de sete anos que eles não lançam nenhum trabalho de inéditas”).

No edital Bahia, foram selecionados 5 projetos dentro de 305 inscritos: Gerônimo e Orquestra (“ Que é um dos ícones da música da Bahia, marcou vários carnavais nos anos 80 e 90”), Manuela Rodrigues (“Traz uma mistura que foge do padrão da música baiana”), apoio ao grupo Dois em Um, Rumpilezzinho e Acervo Batatinha (“Este que é um dos grandes sambistas brasileiros”).

No edital de Minas, tiveram 219 projetos inscritos e somente quatro foram selecionados: Fernanda Takai (“Uma artista que representa uma cena pop fortíssima e tem uma carreira solo já importante”), Érika Machado, o grupo mineiro Dibigode e Vinil é Arte Remixes.

No edital Pará, foram sete selecionados de 150 nomes: Felipe Cordeiro (“Este artista acaba de lançar seu CD com o patrocínio do Natura Musical, que foi selecionado no edital do ano passado e agora vai conseguir fazer a turnê de lançamento”), Juliana Sinimbú, Strobo 2.0 (“Eles que reinventaram uma nova linguagem e nova música da cena paranaense. A gente tá muito feliz de poder se conectar com esta cena tão moderna”), Mestre Solano, Pregões Melodia das Ruas, gravação do CD Lágrimas da Minha Ilha e Mestres Navegantes Edição Pará.

Depois de comentar todos estes nomes apoiados pelo Natura Musical, Fernanda Paiva ainda comentou: “A gente chega ao final de um processo muito rico e, quando a gente olha estes 23 projetos que foram selecionados, a gente vê uma diversidade muito grande de formatos, de linguagem e de territórios da música brasileira, e é isso o resultado de todo trabalho que vem realizando”.

Ao final da coletiva, ainda tivemos a oportunidade de dar uma escutada no projeto novo da Karla da Silva, Dois em Um, Juliana Sinimbú, Felipe Cordeiro e Fernanda Takai. Podemos garantir que ano que vem muita música boa será ouvida pelo Brasil. Agora é só esperar e ver o resultado final!

Curta mais sobre Natura Musical no Música Pavê

Shuffle

Cícero e o céu engarrafado
O músico nos presenteia com uma performance de Vagalumes Cegos e Açúcar ou Adoçante
Aconteceu o Primeiro All Folks Fest em São Paulo
Saiba como foi a primeira edição da noite do folk, em que o maior mérito do festival não foi apenas reunir quatro ótimas bandas, mas promover o clima leve, descontraído e musicalmente rico que o gênero proporciona entre amigos
Cinco Nomes Folk que Você Precisa Conhecer
Poucos estilos agradam tanta gente ao redor do mundo quanto este e, agora que vem mais um All Folks Fest por aí, chegou a hora de você bombar sua playlist com estas sugestões

Curtiu? Comente!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Sobre o site

Feito para quem não se contenta apenas em ouvir a música, mas quer também vê-la, aqui você vai encontrar análises sem preconceitos e com olhar crítico sobre o relacionamento das artes visuais com o mercado fonográfico. Aprenda, informe-se e, principalmente, divirta-se – é pra isso que o Música Pavê existe.

Contato

fale@musicapave.com