5 Grandes Músicas de Super Heróis

O lançamento do filme Os Vingadores mostrou que os super-heróis estão com tudo. Além de serem sucesso de bilheterias, ganham a simpatia do público de uma forma rápida e, com todas essas conquistas, já ensaiam dar pontapé a uma nova era em Hollywood, a das adaptações em quadrinhos em massa no cinema.

Porém, existe um detalhe fundamental para esse universo ter o apreço do público, um fator que se chama “trilha sonora”. Uma bela canção tem o poder de direcionar a nossa visão e, consequentemente, desenvolver nosso gosto. Pensando nisso, embarco no baú dos filmes desse gênero para resgatar músicas que foram fundamentais para o sucesso dos heróis em nossos corações.

Homem de Ferro 2: AC/DCBack in Black

O grande hit da banda AC/DC serviu como uma luva dentro do universo do milionário Tony Stark. Se no primeiro Homem de Ferro vemos uma menção sobre a canção, em sua continuação já a escutamos como um membro da trama, surgindo cada vez que o super herói de ferro aparece, inclusive nos filme dos Vingadores. Com isso esse sucesso da banda americana já virou a marca de Stark.

Homem Aranha: Nickelback Hero

Apesar de visto pela crítica como uma adaptação não muito feliz, o fato é que o Homem Aranha dirigido por Sam Raimi foi um sucesso de bilheteria e entrou no imaginário popular como poucos filmes conseguiram. A união entre a franquia e a banda Nickelback, em meados de 2002, fizeram de Hero uma canção que define a magia que o Spider Man provocava na época.

Batman e Robin: Smashing PumpkinsThe End is the Beginning is the End

Esse é o exemplo de que a canção é muito maior que o próprio filme, já que estamos falando da produção mais fraca da história do homem morcego. No entanto, esse registro do Smashing Pumpkins usado originalmente no filme Batman e Robin não só retrata o encerramento desse longa metragem, como também prevê a nova franquia do Batman que surgiria década à frente no comando do cineasta Christopher Nolan. Pois é, The End is the Beginning is the End.

ThorFoo FightersWalk 

A respeito do percurso de Back In Black no Homem de Ferro, o que Walk faz com Thor é mesclar uma boa música com um herói não muito conhecido, com intuito de apresentar seu universo ao grande público. Confira também o ótimo clipe oficial dessa música.

Scott Pilgrim contra o Mundo: Sex Bob Omb – Garbage Truck

Para finalizar: Scott Pilgrim não tem super poderes, mas pode ser considerado um super herói, já que a sua adaptação para os cinemas foi um marco na indústria e fez o sonho de qualquer nerd se tornar realidade – ver na telona grande um rapaz comum combatendo o mal. A história de Pilgrim é tão legal, que os próprios personagens tem uma banda de rock, chamada Sex Bob Omb, uma sonoridade que nós possibilita a viajar nesse mundo dos quadrinhos, em músicas feitas por Beck em parceria com músicos da Broke Social Scene.

Confira mais listas 5+ no Música Pavê

Shuffle

Rockologia: Pós-Punk

Os anos 80 viram nascer o surgimento de um movimento que promovia uma renovação musical e estética ao som que marcou a década anterior e promovido por bandas como The Cure e U2

Capas de Disco Feitas de Lego

Conheça o grupo do Flickr LEGO Album Covers, que traz fotografias recriando famosas capas de discos utilizando esse que é um dos mais criativos e divertidos brinquedos do mundo. O resultado vai colocar um sorriso no seu rosto, com certeza

The Killers - Runaways

Para o primeiro videoclipe do disco Battle Born, banda parece acreditar que a música já chamaria a atenção o suficiente e deixou de investir em grandes ideias na produção

Curtiu? Comente!

One Comment on “5 Grandes Músicas de Super Heróis

  1. Amei, ouvi todas as músicas e relembrei os filmes. Muito bom, parabéns pelo blog.

    coqueteldemusica.com

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Clipes por estilo

Sobre o site

Feito para quem não se contenta apenas em ouvir a música, mas quer também vê-la, aqui você vai encontrar análises sem preconceitos e com olhar crítico sobre o relacionamento das artes visuais com o mercado fonográfico. Aprenda, informe-se e, principalmente, divirta-se – é pra isso que o Música Pavê existe.