20 Clipes Brasileiros de Meados/2018

Quer um panorama do que o Brasil produziu nas últimas semanas e meses em matéria de videoclipe? O Música Pavê lista vinte lançamentos de diferentes formatos e orçamentos para não nos esquecermos que, além de todos os que são resenhados semanalmente no site, tem muita coisa sendo produzida no país o ano inteiro.

Pato Fu – Private Idaho

O vídeo é feito todo com uma sequência de imagens feitas pelo Boomerang, app incorporado ao Instagram. A letra da música na tela e a edição ajudam a deixar a ideia menos cansativa. (William Nunes)

Leo Middea – Valsa

Residindo em Portugal, o músico gravou por lá mesmo o vídeo para esta música sobre ansiedade. Nas cores opacas do Velho Mundo, o clipe viaja por sete cidades e ganha força com a dança de Daniela Casimiro. (André Felipe de Medeiros)

Formafluida + DESAMPA – Dois Zero Um Sete

A parceria entre Lucas Dimitri e o cantor de São Paulo ganha imagens assinadas pelo próprio músico mineiro, tendo o bairro paulistano da Liberdade como cenário para imagens introspectivas em preto e branco. (André Felipe de Medeiros)

Rappin’ Hood – Com Us Amigo no Peão

Sem lançar um álbum há trezes anos, o rapper nos adianta que sairá um registro, intitulado Os 10 Mandamentos, ainda neste ano. Por ora, Rappin entrega uma prévia com clipe dirigido por Nill Marcondes. (Lucas Gabriel Bosso)

Lili Buarque – Clareia

A cantora promove seu novo single com um clipe simples, mas que combina perfeitamente com a canção. As imagens foram gravadas em Maceió (onde ela nasceu) com uma equipe formada em maioria por mulheres, com direção de May Manão, e nos mostram a bailarina Luca Dalmasco dançando em várias paisagens. O vídeo nos transmite a suavidade e a leveza da música, como se a personagem encontrasse a paz. (Carolina Reis)

Kanagawa – The Great Wave

Através de projeções e sobreposições, o projeto do músico Igor Pinto mostra suas inspirações e estética através de um clipe dirigido por Yago Freitas. Nele, o próprio nome da banda é explicado, com referência à xilogravura A Grande Onda de Kanagawa (aquela do emoji). (André Felipe de Medeiros)

João Bernardo – Hoje Só Volto Amanhã

Com direção de Laís Carneiro da Cunha, o compositor mostra vídeo que aquece os motores para o lançamento de seu quarto álbum, Encontro dos Rios. O clipe se inspira nos assassinatos de Marielle e Matheusa para expôr questões de gênero. (André Felipe de Medeiros)

Moogbeat – Prato de Flores

Nação Zumbi em versões baseadas no moog – eis a ideia do músico Carlos Trilha, que tem regravado sucessos da banda de Pernambuco no formato sintetizado. Esta aqui é acompanhada de videoarte por Alessandra Marfisa. (André Felipe de Medeiros)

Projota – Senhor Presidente

Utilizando o recurso de imagens projetadas, ora com a figura de Projota na cidade de São Paulo, ora com imagens sobrepostas ao rapper, o clipe dá vida às indignações de quem não aguenta mais o descaso com o país. Aproveita bem o timing do período eleitoral. (William Nunes)

Catavento – Panca Úmida

O coletivo gaúcho apresentou um clipe para a faixa do seu novo disco, Ansiedade na Cidade. A produção é de Manoela Cezar e Pedro Geraldo, que conseguiram transportar a psicodelia para o trabalho visual, feito em parceria do Governo do Rio Grande do Sul e do Natura Musical. (Lucas Gabriel Bosso)

Cupin – Malandro

Nostalgia e boemia dão o tom do lançamento, que se inspira também na estética dos games 16-bit para amparar a música da banda de São Paulo. A direção é de Helio Ranieri. (André Felipe de Medeiros)

cellardoor – Travellers

O clipe traz um elemento muito interessante: uma parceria via projeção. O produtor e compositor André Graciotti encontrou várias artistas diferentes pelo mundo e trouxe-as para seu novo álbum, Seashores & Riversides. Em Travellers, a parceria foi com a cantora russa Valerie Warntz, que gravou sua parte lá do outro lado do mundo e enviou para André, que montou toda a produção em casa. (Carolina Reis)

Codinome Winchester – Ácido Esse

Seguindo uma linha meio creepy, meio trash, o vídeo funciona como um boa interpretação da música. A edição aposta em cortes rápidos que deixam o clipe mais dinâmico. (William Nunes)

Janine Mathias + Rincon Sapiência – Dendê

O novo álbum da artista está previsto para 14 de Setembro, mas já podemos ter um gosto com Dendê. A faixa, que conta com a parceria de Rincon Sapiência, teve produção visual de Maria Spector, que cumpriu a narrativa da música no vídeo, nos proporcionando uma belíssima experiência solar.

Edgar – O Amor Está Preso?

Com amparo de animações que ilustram a letra, o artista aparece de cabeça para baixo na interpretação tensa de uma faixa direta e agressiva, no tom do que podemos esperar do disco Ultrassom (que sai em 24 de agosto). A direção foi assinada por ELXVA. (André Felipe de Medeiros)

Filipe Ret – Santo Forte

Gabriel Camacho dirige a obra que mostra personagens reais com suas lutas e suas realidades, enquanto o rapper interpreta a faixa, presente no recém-lançado Audaz. (André Felipe de Medeiros)

Pabllo Vittar – Problema Seu

A artista está prestes a lançar seu segundo disco e trouxe uma faixa que estará presente no registro. João Monteiro e Fernando Moraes ficaram encarregados da direção e do roteiro do vídeo, ambientado no Palácio dos Cedros em São Paulo. Interpretando uma espiã, Pabllo entregou um trabalho digno do pop. (Lucas Gabriel Bosso)

LaBaq – 19

A forte canção de LaBaq vem acompanhada de um belo clipe. Com imagens abstratas, mas que deixam uma mensagem importante ao ressaltar o que realmente importa no amor. A produção aproveita bem o clima da música para direcionar a edição do vídeo.

Musa Híbrida – Viu

Camila Cuqui, integrante da banda, assina a produção da animação em rotoscopia que promove o lançamento de Piscinas Vazias Iluminadas em Pé. Um belo “cansaço lo-fi”, como o release de imprensa explica. (André Felipe de Medeiros)

Ultramen – Tive Tudo

Na mesma leveza da faixa, a banda interpreta esta prévia do disco Tente Enxergar (31 de agosto) em uma produção bem humorada dirigida pela dupla Marcelo Nunes e Jean Schwarz. (André Felipe de Medeiros)

Shuffle

Curtiu? Comente!

Comments are closed.

Sobre o site

Feito para quem não se contenta apenas em ouvir a música, mas quer também vê-la, aqui você vai encontrar análises sem preconceitos e com olhar crítico sobre o relacionamento das artes visuais com o mercado fonográfico. Aprenda, informe-se e, principalmente, divirta-se – é pra isso que o Música Pavê existe.

Contato

fale@musicapave.com